Hormônios que interferem diretamente no ganho de peso

VOCÊ SOFRE COM EXCESSO DE PESO? VOCÊ SABIA QUE ISTO PODE SER RESULTADO DE AÇÕES DOS SEUS HORMÔNIOS? É MUITO DIFICIL PERDER PESO E MANTER? VEM SABER COMO ALGUNS HORMÔNIOS PODEM SABOTAR O SEU TRATAMENTO.

É até bastante comum a gente ouvir que a pessoa ganhou peso porque é preguiçosa ou gulosa demais. A verdade, queridos, é que existem muitos outros fatores (bem mais complexos, INCLUSIVE ENVOLVENO OS NOSSOS HORMÔNIOS!!!) E aqui neste artigo eu vou citar 10 hormonios que interferem diretamente no peso corporal. Vamos lá?

O SISTEMA hormonal controla quase todos os aspectos da sua composição corporal, sinaliza quando você está com fome, saciado e onde você pode armazenar mais gordura por exemplo SE NO ABDOMEN, NO QUADRIL…

LEPTINA

Você sabia que O TECIDO GORDUROSO produz hormônios? E um dos principais é a LEPTINA. Sua principal função é ajudar o corpo a manter o seu peso, diminuindo o apetite e regulando o gasto de energia. Por conta disso, também pode ser chamado de HORMÔNIO DA SACIEDADE. Quando há grande quantidade de GORDURA no corpo, há também liberação de grande quantidade de leptina. E aí você pode perguntar: “Então, por que pessoas obesas sentem mais fome se a leptina é o hormonio da saciedade? Não deveria ser o contrário?” O que acontece é que esse alto nível de leptina no sangue desencadeia um quadro que chamamos de resistência à leptina. Com isso, a sensação de saciedade não acontece e a pessoa sente fome o tempo todo. E isso se torna um ciclo vicioso. Quanto mais fome, maior a ingestão de energia, maior o ganho de gordura que vai liberar ainda mais leptina, agravando essa condição. Olha que interessante: Quando a pessoa faz dieta E EMAGRECE, sabe o que acontece? Seu corpo trata de produzir MENOS LEPTINA! Resultado? TENDENCIA A TER MENOS SACIEDADE E DIMINUIÇÃO DO METABOLISMO! ESTE É UM DOS MOTIVOS FISIOLÓGICOS QUE JUSTIFICAM PORQUE QUEM TENTA EMAGRECER, TENDE A SEMPRE DESISTIR DO TRATAMENTO! Viu só a culpa não é sua!

GRELINA

Outro hormônio muito importante no controle da nossa alimentação e do metabolismo energético é a Grelina. Ela é secretada pelo ESTÔMAGO. A sua ação é oposta à da Leptina. Ou seja, a Grelina é o HORMÔNIO DA FOME! Aquela sensação que o estômago esta roncando? Póis é a Ghrelina que se eleva cerca de 1-2 hora antes nos horários habituais das nossas refeições e diminui depois que a gente se alimenta. Em outras palavras, este é um hormônio que diz ao seu cérebro quando comer. Em casos de jejum prolongado e de hipoglicemia, a concentração desse hormônio no sangue aumenta. Isto explica porque pessoas que estão fazendo dieta sentem dificuldade em mantê-la. Resultado: mais um outro e importante estímulo para desistir da dieta! Como o seu corpo demora para se adaptar a comer menos, ele envia constantemente o sinal de “Estou com fome” ao cérebro. Esta é uma das razões pelas quais a manutenção da perda de peso é muitas vezes mais difícil do que perder, e aquele nosso velho conhecido efeito sanfona pode vir a tona.

TESTOSTERONA

A testosterona é um hormônio produzido nos homens pelos testículos e nas mulheres pelos ovários. É uma peça fundamental na construção muscular e na queima de gordura. A diminuição da testosterona ( que pode ocorrer com a idade, pilula anti concepcional por exemplo) o metabolismo fica mais lento, nosso corpo fica mais propenso a armazenar as calorias extras na forma de gordura.

GH- HORMÔNIO DO CRESCIMENTO

O GH, ou hormônio do crescimento é um hormônio liberado pela hipófise. De uma forma bem resumida ele é altamente anabólico no tecido muscular e catabólico de massa gorda, ou seja, ajuda a construir músculos e queimar gordura. Isto é ótimo, porque não há muitos hormônios que podem fazer as duas coisas. E é outro hormonio que pode reduzir com o envelhecimento, mas também com outras situações, como insônia!

outros 2 hormonios muito importantes são o PYY e GLP1.

Nossa que siglas são essas? Calma aí… resumidamente, estes hormônios são PRODUZIDOS por células localizadas no fim do intestino Delgado e são estimulados durante a digestão pela chegada do alimento naquele local. O que acontece? Eles dão o sinal de saciedade para que você PARE DE COMER. O GLP-1 inclusive ja é utilizado como tratatamento de diabetes tipo 2 e obesidade. O medicamento comercializado chamado liraglutide ( talvez vcs ja tenham ouvido falar no victoza ou saxenda) sao uma forma de GLP-1 sintetico.

NEUROPEPTIDEO Y

O neuropeptídeo Y (NPY) é um hormônio produzido pelas células do cérebro e do sistema nervoso. Sua principal função é ESTIMULAR O APETITE, especialmente quando passamos muito tempo sem comer ou estamos em situação de grande estresse. Pensando em garantir que o nosso corpo receba energia rapidamente, o NPY desperta aquela vontade incontrolável de consumir alimentos ricos em carboidratos. MAIS UM HORMÕNIO QUE TENDE A SABOTAR A SUA DIETA!

INSULINA

A insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas e tem um papel muito importante no controle do açúcar do sangue. Funciona assim: a gente se alimenta, principalmente de carboidratos, os niveis de glicose no sangue aumentam e o nosso pancreas produz a insulina para que estes níveis de mantenham adequados. Só que A insulina é também o principal hormônio de armazenamento de gordura no corpo. Ela diz que as células de gordura para armazenar gordura, e impede que a gordura armazenada de ser quebrada.

Quando as células são resistentes à insulina (muito comum – pessoas com excesso de peso, cintura abdominal aumentada, mulheres com sop…), os níveis de açúcar no sangue e insulina aumentam significativamente e o estrago esta feito! Comer demais – especialmente açúcar, carboidratos refinados e fast food – impulsiona a resistência à insulina e aumenta os níveis de insulina Alem disso, lembra da leptina? Aquele hormonio da Saciedade? Pois é… a insulina em excesso também atrapalha nisso e dificulta a reposta para que vc pare de comer, agravando ainda mais o quadro e assim esta desenhado um verdadeiro caos hormonal!

CORTISOL

O cortisol é um hormônio produzido pelas glândulas supra-renais. É conhecido como um “hormônio do estresse”, no entanto, ele não é um hormônio do mal, pelo contrário, Como outros hormônios, ele é vital. O problema esta nos seus níveis cronicamente elevados… aí sim podem levar a ganho de peso e acúmulo na região abdominal, alem de alteração da glicemia, estrias e aumento da pressão. È o que acontece com pessoas que precisam usar doses altas de medicamentos derivados dos corticoides como por exemplo, no Lupus Eritematoso Sistêmico, ou com pessoas que apresentam Doença de Cushing ( tumor na hipófise que leva ao aumento da produção de cortisol).

HORMÔNIOS TIROIDIANOS

E a tireoide, Dra?… “VOCÊ NAO FALOU DELA ATÉ AGORA… POIS É… Muitas pessoas acreditam que alteração no hormonio tiroidiano SEJA A PRINCIPAL QUE LEVA AO GANHO DE PESO mas na verdade, de todos os hormônios que falamos até aqui, os tiroidianos, são os menos importantes. Sim isto é verdade! Quando eu falo de hormônios que interferem no ganho de peso, falo em mecanismos específicos que interferem no aumento da gordura corporal. O GANHO DE PESO DO HIPOTIROIDISMO (que é a redução do hormônio tiroidiano), É principalmente SECUNDARIO À RETENÇÃO DE LIQUIDOS E também de UMA DIMINUIÇÃO DO METABOLISMO, OU SEJA DO GASTO DE ENERGIA…

Bem meus queridos… é incrivel como os Hormônios trabalham juntos para aumentar ou diminuir o apetite e armazenamento de gordura. Felizmente, a dieta e mudanças de estilo de vida podem ter efeitos poderosos sobre esses hormônios.

Procure um endocrinologista para lhe auxiliar no SEU processo de emagrecimento!